Santos: Inscrições abertas para laboratório que investiga performance, corpo, dissidência e política

0 Flares 0 Flares ×
O laboratório de performance tem coordenação de Thi Gresa. Foto: divulgação

Porto Performance é um ciclo de 5 encontros quinzenais que ocorrerão nos meses de Junho e Julho, conduzidos pela performer e pesquisadore Thi Gresa. Nos encontros serão propostos atividades performáticas e acionamentos políticos no espaço de desenvolvimento da pesquisa (Bacia do Mercado de Santos) investigando temas como corpo, gênero e sexualidade.

A PortoPerformance é um laboratório de performance que busca disparar novas investigações que permitam transbordares para outros territórios do corpo, possibilitando novos movimentos para além das discussões politicas-performáticas, colocando o corpo/a existência como ativadoras de subjetividades e singularidades, potencializando existências travestigêneres, e construindo performance&corpo&política. Produzir e investigar com o corpo tensionamentos e fricções cortantes a partir das perspectivas/corpos e existências que ativem investigações a partir das múltiplas possibilidades de gêneros sua intersecções.

Essa é uma das atividades propostas pelo Grupo de Trabalho Dudu do Gonzaga em parceria com o Instituto Procomum de Santos, São Paulo.

Thi. Gresa – que coordena a atividade – é pessoa não-binária, performer, poeta, poetisa, e pesquisadora. Tem formação em Artes do Corpo/Performance (PUC/SP), mestra em Comunicação Social pela UERJ. Pesquisa performance, gêneros, as fronteiras das existências ruidosas, fronteiras estéticas, e os trânsitos entre performance&corpo&política. Desenvolve há 3 anos pesquisas a partir de imagens cortantes, tendo performado entre São Paulo, Rio de Janeiro e Bahia. Atualmente é pesquisadora do Núcleo Juvenalia (ESPM/SP), e desenvolve a performance NA-VA-LHAS (que leva o mesmo nome da sua pesquisa de mestrado), ativando a imagem cortante/proteção/amuleto de corpos travestigeneres, além de performar a partir das listas das vítimas da LGBTQIA+Fobia.

Pessoas interessadas em participar deste primeiro ciclo do Porto Performance devem preencher o formulário disponível no link baixo:https://forms.gle/eM7ZkCQYMxovE3WV7
*** até o dia 30/05. A prioridade são artistas LGBTIQA+.

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 LinkedIn 0 Pin It Share 0 Reddit 0 Email -- 0 Flares ×

About T. Angel

No cenário da modificação corporal brasileiro desde 1997, inicialmente como entusiasta e posteriormente atuando no campo da pesquisa. Parte de seu trabalho está incluso no livro "A Modificação Corporal no Brasil - 1980-1990" e grande parte depositada aqui no FRRRKguys.com.br.